III Festival Virtuosi de Gravatá – Ainda mais imponente

O evento teve em sua abertura o que há de melhor na música erudita com artistas renomados que presentearam o público com seu dom.

Talento, beleza e qualidade são alguns dos adjetivos que podem classificar o III Festival Virtuosi de Gravatá. O evento teve em sua abertura no último sábado (09/07) o que há de melhor na música erudita com artistas renomados que presentearam o público com seu dom. A emoção foi inevitável durante toda apresentação que como de costume começou pontualmente às 19 horas. No entanto antes das 18:30 a Igreja Matriz de Sant’Ana já estava completamente lotada, reafirmando o sucesso e consolidação do festival na cidade que segue até o dia 17 de julho com apresentações diárias.

Autoridades como o prefeito Ozano Brito, o ex ministro da Fazenda Gustavo Krause, secretários e vereadores prestigiaram o primeiro dia do Virtuosi. Ozano Brito, agradeceu a presença de todos, ao padre Joselito Gomes por permitir a utilização do espaço e ressaltou a importância do evento, “O Virtuosi já está no calendário de Gravatá, é um evento aprovado que reúne a família e proporciona momentos de extrema emoção. Apresentações que muitas vezes só seria possível ver em outros países, encontram-se em nossa cidade”, afirmou o prefeito.

O Hino Nacional Brasileiro foi primeira música tocada pela orquestra que foi acompanhada pelo público, seguida de uma estrondosa salva de palmas. O Concerto em Dó maior teve a participação da violoncelista ucraniana, Natalia Khoma, que a cada nota executada deixava a mostra seu potencial. A segunda apresentação ficou por conta do Coro de Câmara Villa Lobos acompanhado dos solistas Adriane Queiroz (soprano), Adriana Clis (mezzo soprano), Gilberto Chaves (tenor) e Saulo Javan (barítono).

Rafael Garcia, diretor artístico e regente do evento, não conteve a emoção, “É uma grande emoção estarmos aqui mais uma vez com esse público que sabe apreciar e valoriza a boa música. Gravatá está de parabéns, a cada ano este festival fica melhor”, afirmou Garcia. Gustavo Krause deu sua definição para o festival na cidade, “É a qualificação do destino Gravatá, este é um evento genial feito para todos os públicos, pois não é necessário ser expert em música basta sentir para saber que é bom. E o que é bom é bom, não precisa de etiquetas. O Virtuosi, valoriza Gravatá ainda mais como destino”, destacou o ex ministro.



Esse texto foi publicado domingo, julho 10th, 2011 às 10:52 AM na seção Sem categoria. Você pode acompanhar todos os comentários através do feed RSS 2.0. Você também pode comentar, ou criar um link para cá em seu site.

3 comentários to “III Festival Virtuosi de Gravatá – Ainda mais imponente”

  1. Ward Karapetyan

    I just want to tell you that I’m new to blogging and seriously liked you’re blog. More than likely I’m likely to bookmark your blog . You certainly have excellent well written articles. Thanks a lot for revealing your web-site.

  2. Learn More

    hello there and thank you for your information – I have definitely picked up anything new from right here. I did however expertise a few technical issues using this web site, since I experienced to reload the site a lot of times previous to I could get it to load properly. I had been wondering if your web host is OK? Not that I’m complaining, but sluggish loading instances times will very frequently affect your placement in google and can damage your high quality score if advertising and marketing with Adwords. Well I’m adding this RSS to my e-mail and could look out for much more of your respective exciting content. Make sure you update this again very soon..

  3. android app

    android app…

    […]f I truly appreciate this post. Ive been looking everywhere for this! Thank g nl[…]…

Comente!

Seu comentário